Polícias Civil e Militar prendem integrantes de quadrilha que roubava caminhonetes na região de União Bandeirantes

12 de agosto de 2019

Porto Velho, RO – Moradores da Região de União de Bandeirantes sofrem, desde final de 2018, uma série de roubos de veículos. Segundo dados da Polícia, de dezembro do ano passado até o final do mês de julho deste ano, foram roubadas cerca de oito caminhonetes naquela Região.

Na última quinta-feira, policiais militares de União Bandeirantes foram informados que integrantes de uma quadrilha estavam reunidos em uma casa na Zona Urbana do Distrito e se preparavam para praticarem outros roubos. Os militares seguiram ao local, mas não conseguiram prender integrantes do grupo, que fugiram para um matagal.

O delegado Valney Calixto, Titular da 10ª Delegacia de Nova Mutum-Paraná foi avisado pelos milita sobre os fatos e se dirigiu para o local, juntamente com uma equipe de investigação para chefiar as buscas pelos suspeitos.

Valney Calixto informou que os militares apreenderam na residência quatro armas de fogo (duas espingardas, um rifle e um revólver), dois veículos (uma motocicleta Honda/Titan, um HB20 e uma caminhonete Hilux, carroceria de madeira) e alguns objetos, entre eles, um pequeno gerador de energia. Disse também, que ao chegar a União Bandeirantes com sua equipe, policiais militares que estavam de folga se juntaram a equipe e as averiguações se intensificaram.

De acordo com o delegado, após várias horas a procura dos suspeitos, quando já na sexta-feira (9) à tarde, conseguiram prender a proprietária da residência e dois dos suspeitos que tinham fugido do cerco da Polícia Militar na noite da quinta-feira.

Com os suspeitos os policiais localizaram uma motocicleta Yamaha/Factor sem placa, mas não localizaram armas. O delegado afirmou que todos irão responder pelos crimes de porte irregular de armas de fogo, receptação e associação criminosa e a prisão dos suspeitos vai ajudar no esclarecimento de muitos roubos ocorridos naquela Região.

Os presos são Raquel de M. D. M., 25 anos, Carlos D. M. T., 20 anos e Daniel A. F. O, 19 anos. Segundo o Delegado Valney Calixto, eles são de União Bandeirantes, porém as investigações seguem para identificar todos os membros da quadrilha que vem aterrorizando os moradores das áreas rurais próximas a União Bandeirante e escolhe as vítimas que tem caminhonetes Fiat/Toro ou Toyota/Hilux.

O delegado frisou que a proximidade com a Bolívia e o poder aquisitivo da população da Região tem despertado interesses desses grupos na área, principalmente Zona Rural.

Destacou também que a população de União Bandeirantes mantenha a tranquilidade, “pois o foco investigativo da Polícia Civil, através da Delegacia de Nova Mutum, está voltado para esclarecer crimes de roubos e homicídios e não medirá esforços para prender envolvidos nesses tipos de crimes”. 

Fonte: Oobservador

Por: Jarunoticia

Comentarios