JARU – PM é solicitada para atender violência doméstica e tem que arrombar casa para resgatar vítima

16 de outubro de 2020 Fonte:: Anoticiamais

Uma guarnição de serviço do 8º Batalhão de Polícia Militar foi acionada pela Central de Operações na noite desta quinta-feira (15) para comparecer à rua Daniel da Rocha, no Setor 07, em Jaru, para atender uma ocorrência de violência doméstica.

Ao chegarem ao local, a guarnição viu que a casa estava fechada e com as luzes internas acesas, porém ao serem chamados pelos policiais, os proprietários não respondiam, então foi feito contato com vizinhos, que relataram a moradora, de 26 anos de idade, estaria sendo mantida pelo seu marido, de 32 anos, dentro da residência e que ele estaria agredindo-a.

Como os proprietários do imóvel continuaram sem atender aos chamados, foi necessário o uso de força por parte dos militares para entrar na residência, que avistaram a mulher sobre o domínio do esposo, sentada em um sofá e quase desmaiada, parecendo estar em estado de choque.

Diante dos fatos, foi dada a voz de prisão ao esposo, que resistiu e teria tentado intimidar os policiais dizendo que não dava permissão para entrarem em sua casa e que queria o Mandado de Busca para ali entrarem.

O homem também teria desobedecido à ordem dos policiais para virar de costa e por as mãos na cabeça, sendo então utilizado o uso da força para contê-lo.

O homem foi conduzido à Unidade Integrada de Segurança Pública de Jaru e deverá responder pelo crime de Maria da Penha.

Comentarios